Boletim Rengô nº98

34º Campeonato Brasileiro de Gueitebol de Idosos

No dia 11 de março, realizou-se, no Estádio de Gueitebol da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil de Vila Guarani – São Paulo, o 34º Campeonato Brasileiro de Gueitebol de Idosos, com a participação de 78 equipes, distribuídas em 3 categorias: kotobuki (acima de 80 anos) – 22, kame (acima de 75 anos) – 29 e tsuru (acima de 70 anos) – 27.

 

A cerimônia de abertura foi iniciada às 8 horas com a coordenação da vice-diretora técnica Tizuru Saito que, seguindo o protocolo, pediu ao vice-presidente Yukio Honda para fazer a declaração de abertura do Campeonato. Foi guardado um minuto de silêncio em honra a memória dos companheiros falecidos, seguido de execução do Hino Nacional. O presidente da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil, Hatiro Honda, agradeceu a presença de todos, principalmente às equipes que vieram de longe como as do Rio Grande do Sul, Paraná e Rio de Janeiro. Agradeceu também às entidades patrocinadoras que ofereceram valiosos prêmios, a Fundação Kunito Miyasaka, a Hinomoto Shoyu, a Service Global Turismo e às empresas que contribuíram na forma de anúncios no caderno de programa, a Kubo Shoukai, a Ever Green Ltda e a Yaki Eventos, assim como à Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo – ENKYO, pela disponibilização da equipe de assistência médica e ambulância.

 

Estiveram presentes, na cerimônia de abertura, o deputado federal Arnaldo Faria de Sá, Massah Fujimoto, representando o deputado federal Walter Ihoshi, Vitório Yabiku representando o deputado estadual Jooji Hato, representando o vereador Aurélio Nomura, Tomio Katsuragawa, representando a Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social, o diretor de esportes Kenji Kiyohara, representando a Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo – ENKYO, o vice-presidente Akinori Sonoda, Nobuko Kojo do Jornal São Paulo Shimbun e presidente Makoto Atsumi da Global Turismo. O deputado federal Arnaldo Faria de Sá, o assessor Tomio Katsuragawa e o diretor Kenji Kiyohara dirigiram palavras aos atletas e cumprimentando a diretoria da UCGB pela excelente organização do evento. Após a devolução dos troféus pelos campeões do ano anterior, foi prestada uma singela homenagem aos 38 atletas idosos acima de 88 anos, entregando-lhes uma pequena lembrança pelas autoridades presentes. Seguiram-se as considerações sobre arbitragem e sobre o esquema de jogos, feitas respectivamente pelo diretor de arbitragem Mário Takamura e o diretor técnico Teruo Tagomori. O juramento dos atletas foi feito pela capitã da equipe vencedora da categoria kotobuki de 2017, Júlia Shibuia Takao.

 

As competições tiveram início às 8:30 horas, utilizando simultanemante 14 quadras. Após a conclusão de quatro jogos de todas as equipes, foram anunciados os seguintes resultados: na categoria kotobuki, campeã – Piedade B (Toshinori Enokizono), vice-campeã – Akebono (Kazuyuki Tatibana), 3º lugar – Saga A (Seisho Yoza); na categoria kame, campeã – Uruma (Takashi Iramina), vice-campeã – Kyoyu B (Toshiko Higa), 3º lugar – Matilde A (Kango Yamashita); categoria tsuru, campeã – Kyoyu A (Seizen Gushiken), vice-campeã – Saga D (Julio Kamimura) e 3º lugar – Kyoyu B (Seiei Komesu).

 

 

Reunião de árbitros ikkyu e nikyu

No dia 4 de março, realizou-se a reunião dos árbitros ikkyu e nikyu da UCGB, dando-se, neste ano, ênfase principalmente na revisão de regras de gueitebol, dividida em duas etapas; na primeira etapa, teve orientação e treinamento de cerimônia e atuação coordenada entre os árbitros (principal, auxiliar e anotador), enquanto na segunda parte, foi feita explicação sobre os procedimentos de arbitragem no 12º Campeonato Mundial a ser realizado em setembro próximo. Houve também demonstração e comentários sobre principais lances e as interpretações que devem ser feitas pelos árbitros.

 

Os orientadores foram Mário Takamura, Ichiro Usami, Helena Hiroko Honda e Hatiro Honda. Participaram do evento 72 árbitros, sendo 50 deles Ikkyu com graduação Internacional. A cerimônia de abertura, às 9 h, foi coordenada pelo diretor de arbitragem Mário Takamura que agradeceu a presença de todos e enalteceu a importância desse evento para discussão de assuntos relacionados à arbitragem, com vista ao aprimoramento, cada vez mais, do conhecimento de regras.

 

O presidente da UCGB, Hatiro Honda, também agradeceu a presença dos participantes e aos companheiros que ajudaram nos preparativos deste evento.

 

Foi comentado pelo presidente Honda que, apesar de consultas feitas, inúmeras vezes, ao World Gateball Union, sobre o número de árbitros internacionais necessários ao 12º Campeonato Mundial, não teve retorno daquela entidade.

 

Portanto, assim que receber do WGU a confirmação a respeito, será marcado um dia para o treinamento específico, visando o 12º Campeonato Mundial.

 

 

Torneio de Gueitebol Uieda Akira – Junqueirópolis

No dia 25 de fevereiro, foi realizada a 3ª edição do Torneio de Gueitebol Uieda Akira, no Centro Esportivo Uieda Akira, da cidade de Junqueirópolis.

 

Este evento contou com a participação de 74 equipes, sendo 39 da categoria kooreisha (acima de 70 anos) e 35 da categoria soonen (livre), procedentes de 44 cidades dos Estados de Paraná, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraguai (cidade de Pirapo).

 

A cerimônia de abertura, às 8 horas, foi dirigida pela apresentadora Júlia Shibuia Takao que, após guardar um minuto de silêncio, pediu para entoar o Hino Nacional brasileiro. Em seguida, Naoshigue Yano, presidente do Junqueirópolis Esporte Clube, Conselheiro da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil (UCGB), e diretor do Departamento de Gueitebol, fez o uso da palavra, agradecendo a todos pela participação e principalmente às equipes que vieram de longe como Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso do Sul e especialmente de Paraguai que foi representado pela equipe de Yoshito Sonoda. Na sequência, fizeram o uso da palavra, Keniti Aramaki, presidente de honra do Junqueirópolis Esporte Clube, Dr. Paulo Takashi Uieda, filho do Uieda Akira, representando a família, Hatiro Honda, presidente da UCGB e o prefeito de Junqueirópolis, Dr. Hélio Aparecido Mendes Furini, que agradeceu a todos pela participação no torneio e por ter vindo a Junqueirópolis que estará sempre de portas abertas para recepcionar os visitantes. Paulo Noboru Hoshino, presidente da Regional da Alta Paulista de Gueitebol, e Alberto Yamamoto, diretor de arbitragem da Regional Alta Paulista, fizeram considerações técnicas e sobre a obediência às regras oficiais de gueitebol.

 

Os jogos foram iniciados às 8:30 horas, com as 74 equipes ocupando 16 quadras, 8 pela categoria kooreisha (de terra) e 8 pela categoria soonen (na grama). Na primeira fase, utilizou-se o esquema de round robin tournament (league sen) com três jogos por equipe e, na segunda fase, o tournament (mata-mata) entre as melhores equipes. E o resultado foi conforme segue: na categoria kooreisha, campeã – Assis, vice-campeã – Lins, 3º lugar – Pirapo e Birigui; na categoria soonen, campeã – Sorocabana 2, vice-campeã – Ponta Porã, 3º lugar – Guaraçaí e Caucaia.

 

Rengô-hai da Regional Capital

A Regional Capital, a maior dentre as 22 regionais da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil, realizou, no dia 24, a 28ª edição do seu Torneio Rengô-hai, reunindo no Estádio de Gueitebol do Centro E. Esportivo Riyuzo Ogawa 29 equipes, 19 da categoria kooreisha e 10 da soonen.

 

Às oito horas, teve início a cerimônia de abertura de praxe, sob apresentação de Toshinori Takamura. Inicialmente, o presidente Mário Takamura da Regional fez uma breve saudação aos atletas presentes e agradeceu a presença do presidente Seizi Oga, da Federação de Gueitebol do Estado de São Paulo, como representante do Rengô. Oga, por sua vez, justificou a ausência do presidente Hatiro Honda que cumpria outro compromisso, anteriormente assumido, e explicou também o objetivo do Torneio Rengô-hai que é promovido por maioria das Regionais.

 

Utilizando seis quadras cobertas, as competições foram realizadas entre equipes divididas em categorias. Os resultados dos jogos foram conforme seguem: na categoria kooreisha, campeã – Saga 6 (Antoku), vice – Saga 1 (Usami), 3º lugar – Continental (Tsutida), 4º lugar – Cooper 2 (Ishida) e 5º lugar – Saga 4 (Yoshinaga); na categoria soonen, campeã – Saga 1 (Maruyama), vice – Saga 2 (Yuriko), 3º lugar – Saga 3 (Massao), 4º lugar – Ibirapuera 3 (Keiko) e 5º lugar – Saga 4 (Salatta). Todas as equipes, independente da classificação, receberam brindes especiais.

 

Sem ocorrência de nenhum incidente, o torneio transcorreu em harmonia, favorecido por tempo bom com calor, mas agradável.

 

 

 

COMUNICADO

No dia 16 de maio de 2018 será realizada a Reunião do Conselho Deliberativo da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil (UCGB) na sede da UCGB (Praça Barão de Japurá, 166 – Vila Guarani – São Paulo-SP) às 13:30 horas. As regionais deverão solicitar seus representantes do Conselho a participarem da reunião.

 


Postado por União em 05/04/2018 na categoria Notícias da União


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.