Boletim do Rengô nº 125 junho/2020

Protocolo de Reabertura dos Clubes de Gueitebol durante a pandemia do COVID-19 para Treinamentos/Eventos
A UNIÃO DOS CLUBES DE GUEITEBOL DO BRASIL – UCGB, visando padronizar os protocolos de reabertura dos clubes e associações de gueitebol durante a pandemia do COVID-19, desenvolveu este manual reunindo e organizando as principais recomendações e métodos para a prevenção e contenção da disseminação da pandemia do novo coronavírus.
Neste material, são abordadas orientações mínimas para as federações, clubes, associados individuais, praticantes e simpatizantes da modalidade e colaboradores quanto às medidas de prevenção e controle de infecção humana pelo COVID-19 que devem ser adotadas durante a realização de treinamentos e eventos de gueitebol. As medidas seguem as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Organização Pan Americana de Saúde (OPAS), Ministério da Saúde (MS), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e demais órgãos de saúde.
No entanto, como trata-se de um vírus novo, ainda sem estudos comprovados que atestem o seu comportamento e tratamento, este manual tem como finalidade apresentar medidas imediatas de prevenção e controle de transmissão. Portanto, as orientações poderão ser revistas e atualizadas em razão do avanço no conhecimento e no controle da pandemia a partir de novas diretrizes das entidades e órgãos de saúde acima mencionados.
Além disso, o comportamento da doença é diferente em diferentes regiões do país, portanto, é importante levar em consideração o decreto de funcionamento vigente em cada região, e, caso exista divergência de informações entre os decretos municipais e estaduais, recomendamos optarem por seguirem a orientação mais rígida e com requisitos orientados pela seguintes entidades OPAS – Organização Pan Americana de Saúde, ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Ministério da Saúde. Recomendamos também que cada Regional e Associação/Clube desenvolva seu próprio protocolo ou adapte o protocolo da UCGB de acordo com decretos e diretrizes do seu Estado. Lembrando que todos os jogadores que decidirem treinar ou participar de eventos deverão assinar um Termo de conhecimento e Responsabilidade para a prática de Gueitebol que consta no final do protocolo da UCGB.
O conteúdo foi desenvolvido a partir dos seguintes referenciais:
• Protocolo Sanitário Intersetorial do Plano São Paulo, apresentado pelo governo do Estado de São Paulo;
• Protocolo Sanitário das Atividades de Clubes Sociais e Esportivos e do Centro de Treinamento Paraolímpico aprovado pela Prefeitura Municipal de São Paulo;
• Guideline de Medidas para a Prevenção e Controle de Infecção pelo novo coronavírus para a atividade de gueitebol, divulgado pela JGU – Japan Gateball Union.
Agradecemos a colaboração dos associados que não mediram esforços para que esse material fosse concluído de modo mais completo possível.

Protocolo Treinamento Eventos UCGB e Termo de Responsabilidade – DOWNLOAD
 

  Nota de falecimento

Com pesar, comunicamos o falecimento do presidente de honra da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil sr. Toru Hondo aos 87 anos, ocorrido no dia 29 de junho.
Sr. Hondo, desde sua vinda ao Brasil em 1956, procedente da Província de Nagano-Japão, morou em São Bernardo do Campo, onde se dedicou, de início, à agricultura e, posteriormente, à indústria e ao comércio.
Homem bem sucedido nos seus empreendimentos, juntamente com a sua esposa Yukie, foi também grande líder da comunidade. Foi presidente da Associação Cultural Mizuho e ali iniciou a prática de gueitebol. Foi presidente da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil por sete mandatos consecutivos (1997~2010), tendo sido uma das suas obras de destaque a construção do Estádio de Gueitebol. Manteve intenso intercâmbio com os países da América Latina e do Japão, contribuindo para o progresso e difusão do gueitebol no mundo. Por tudo isso, recebeu inúmeras honrarias nacionais e internacionais.


Postado por União em 15/07/2020 na categoria Notícias da União